Persona: o que é e como definir a sua

Pode ser que esta palavra ainda seja desconhecida e você ainda não sabe o que é persona, por isso, não entende o quanto ela é importante para qualquer negócio online. 

Persona é uma representação fictícia de um cliente ideal. É baseada em dados reais com características demográficas e comportamentais, motivações, desafios, objetivos, problemas e preocupações. Ou seja, com tudo o que uma pessoa real tem.

Criar um persona é um dos passos mais importantes e o primeiro em qualquer estratégia de Marketing Digital.

Então, se você está pensando em trabalhar no Marketing de Afiliados ou se já atua como afiliado o seu primeiro passo é criar e entender a sua persona. E você precisa ir muito a fundo nisso, entender de uma maneira profunda mesmo.

Vamos supor que você está investindo em Marketing de Conteúdo com um blog ou um canal no YouTube.

Se você não entender profundamente a sua persona, saber quais são os seus problemas, dificilmente você vai ter sucesso. Por isso, já falei algumas vezes aqui no blog que o ideal  é você ser uma pessoa transformada do seu nicho de mercado.

Essa é a maneira mais fácil para realmente conhecer a sua persona. Você passou pelos mesmos problemas e, inclusive, sabe como resolver.

Mas claro, se você quer atuar em outro nicho, ainda assim é possível criar e entender uma persona.

Nesse artigo vamos ver:

O que é persona ou avatar?

O que é persona

No marketing digital a persona ou avatar se refere a um perfil semificcional que representa o seu cliente ideal. Sendo o cliente ideal aquele que realmente tem interesse no seu negócio e que realiza compras. É o cliente que você sonha em ter.

E por que perfil semificcional?

Porque tem todas as características de uma pessoa, como nome, idade, história pessoal, gênero, motivações, sonhos, desafios, objetivos, problemas e preocupações. Mas não é uma pessoa de verdade.

Todos esses dados são reais, criados com base em dados do público que você quer alcançar, portanto, não é um personagem de ficção.

Então, nada de “achismos”.

Com uma persona você consegue saber quais os problemas e como resolvê-los. É como se você pudesse entender o seu público mais do que ele mesmo e, assim, você tem toda a atenção possível.

Quanto mais dados você tiver, mais precisão você terá na hora de abordar o seu avatar.

Exemplos de persona

Tudo isso ainda pode parecer muito vago.

Me lembro a primeira vez que ouvi falar em persona, o quanto era difícil entender e assimilar o que é e como criar uma. E depois que vi um exemplo tudo ficou um pouco mais claro.

Você sempre deve pensar no avatar como uma pessoa real mesmo, traçando todo o histórico de vida dela. Quanto mais informações, melhor.

Exemplo 1

Exemplo de persona

A Carmem tem 35 anos e sua maior preocupação é com os filhos. Apesar disso, não quer deixar de viajar e aproveitar momentos com a família.

Então, o seu maior problema é ter um equilíbrio entre os gastos em casa e com os filhos e as viagens.

Exemplo 2

Exemplo de persona

A Ana Clara é mais jovem e independente, sua maior preocupação é com seu futuro profissional.

Está muito confusa com o curso que vai cursar, pois seus pais não concordam com sua escolha e ela é muito influenciada por eles. Tem alto poder aquisitivo, sempre estudou em boas escolas e está num momento complicado da vida.

Persona X Público-alvo

É possível que você esteja se perguntando qual é a diferença entre persona e público-alvo e porque não pode trabalhar apenas com esse último.

Essa é uma dúvida bastante comum, já que os dois conceitos são bem próximos. Porém, não são iguais.

Vamos dizer que persona é um passo além do público-alvo.

O público-alvo é muito mais amplo e, assim, engloba um número muito maior de pessoas, envolvendo apenas as questões demográficas, socioeconômicas e comportamentais.

Portanto, é composto por um segmento da sociedade com características em comum, ou seja, é muito generalista.

Um exemplo seria:

Mulheres, entre 30 e 45 anos, classe média, que moram na grande São Paulo, formadas em psicologia e que trabalham em empresas no setor de RH. Buscam melhor recolocação profissional.

Já a persona, como dissemos antes, além dos mesmos dados do público-alvo, procura se aproximar ao máximo de uma descrição de uma pessoa real.

Então, é essencial ter características comportamentais e psicográficos como: gostos pessoais, personalidade, estilo de vida, valores morais.

Portanto, podemos dizer que o avatar é uma representação de um cliente ideal, como vimos nos exemplos anteriores.

Dentro de um público-alvo existem pessoas com comportamentos, gostos, histórias e necessidades completamente diferentes. Sendo praticamente impossível fazer um conteúdo para uma pessoa de 30 anos que vai agradar e atingir da mesma forma uma pessoa de 45 anos.

Por outro lado, fazer isso com uma persona se torna muito mais fácil.

Persona X Público-alvo

Público-alvo:

  • definição ampla;
  • não fala sobre hábitos;
  • pessoas que podem querer o seu produto.

Persona:

  • definição específica;
  • detalhes sobre hábitos e trabalho;
  • personagem específico;
  • consumidor ideal.

Por que a persona é importante para o Marketing Digital?

Sempre que você for produzir um conteúdo, fazer um anúncio, um post nas redes sociais ou qualquer outro conteúdo do marketing digital, deve pensar na sua persona.

São essas pessoas que você quer se conectar e atingir. A persona é o seu cliente comprador, então você deve fazer tudo com ela em mente.

Posso estar sendo um pouco repetitiva, mas o intuito é deixar o mais claro possível para você.

Criar o avatar o mais alinhado possível com o seu cliente em potencial, vai te trazer uma maior compreensão dos gostos e interesses e, principalmente, sobre o que estão buscando.

Assim você não só consegue interagir mais com seu público como também atrai mais conversão e vendas, que é o seu maior objetivo.

Trazendo um pouco mais para sua realidade, você teria condições de futuramente desenvolver um infoproduto que atenda as dores do seu público de uma maneira tão certeira que, sem dúvida, teria muitas e muitas conversões.

Benefícios de ter uma persona

Benefícios de ter uma persona

A maioria das estratégias de marketing digital para afiliados envolve produção de conteúdo.

Ao criar uma persona, você vai produzir um conteúdo mais atrativo e útil e que será consumido por sua audiência.

Ter mais informações sobre seu público vai te permitir criar conteúdo direcionado, interessante e relevante para as pessoas do seu interesse. Assim você não vai correr o risco de gastar tempo com o público errado.

Imagina na hora de fazer uma campanha no Facebook Ads. Com tantas informações de comportamento e gostos fica muito mais fácil segmentar o seu público. O resultado é um gasto menor e mais pessoas atingidas.

Com a persona você consegue:

  • Determinar o melhor tipo de conteúdo que você deve produzir e o tom mais adequado
  • Ter uma linguagem padronizada nos artigos de blog e nos posts de redes sociais
  • Escolher as redes sociais onde o seu público está
  • Saber exatamente quais palavras-chave mais utilizadas por seu público
  • Melhor segmentação no Facebook Ads
  • Reduzir os custos com anúncios
  • Traçar as melhores estratégias de marketing digital, que sejam direcionadas e efetivas

Como criar a persona perfeita

Até aqui você já sabe o que é persona e os benefícios para suas estratégias de marketing digital. E agora vamos entender quais são os passos para sua criação.

Antes de mais nada, devo deixar claro que a persona não é construída com base em suposições, os dados devem ser reais.

Os dados devem ser coletados a partir de entrevistas com clientes e pesquisas, através de uma série de perguntas.

Muitas vezes, no momento da criação da persona ainda não temos clientes para fazer entrevistas, uma alternativa é fazer isso com seguidores ou visitantes de blog e sites.

Se esse for o seu caso, você também pode fazer formulários e pesquisas online e distribuir através de anúncios em troca de alguma recompensa para quem fizer a pesquisa.

Perguntas para criar uma persona

Faça as perguntas certas para criar sua persona

As perguntas a seguir devem ser feitas aos seus clientes e leads. Sempre você vai obter respostas que mais condizem a verdade a partir do seu público.

Quanto mais informações você tiver, mais dados terá e mais completas serão suas personas.

Dados demográficos

  • Qual sua idade, gênero e estado civil?
  • Cidade em que mora?
  • Tem filhos? Quantos?
  • Qual seu nível de escolaridade?
  • Qual a sua profissão e onde trabalha?

Pessoal

  • Como é a sua rotina?
  • Quais são os seus principais objetivos?
  • E suas metas de vida?
  • Quais são os seus valores?
  • E as suas dificuldades e problemas?
  • Qual o seu maior sonho?
  • Faça um breve histórico sobre você

Perguntas sobre informação

  • Quais são as redes sociais que você faz parte?
  • Com qual frequência você entra nas suas redes sociais?
  • Que tipo de conteúdo considera interessantes?
  • Quais os principais sites e blogs que acessa?

Interesses

  • O que gosta de fazer nas horas vagas?
  • Quais são os seus interesses principais?

Trabalho

  • Você é dono do seu próprio negócio?
  • Qual é o seu cargo?
  • O que faz no trabalho?
  • Quais são as suas responsabilidades?
  • Que ferramentas utiliza?
  • Quais são os seus objetivos profissionais?
  • O que considera como “ser bem-sucedido”?

Essas perguntas são apenas para você ter uma base e adequar ao seu negócio. Sinta-se à vontade para criar novas perguntas.

Uma outra forma para fazer isso é conversar diretamente com alguém do seu público, através de email ou telefone.

Assim, você consegue respostas mais autênticas, a pessoa não vai ter muito tempo para pensar e elaborar uma boa resposta.

Analisando as respostas para criar a persona

O que é persona

Após obter a quantidade de respostas que considera necessário, você deve encontrar pontos em comum entre as respostas. Ou seja, quais são os problemas, os objetivos e soluções mais comuns e mais citadas?

Resumindo, quais são as características mais comuns que mostram que essas pessoas têm a mesma demanda.

Uma outra forma de trabalhar isso é se colocando no lugar dessas pessoas e se fazendo a seguinte pergunta: o que eu, com todos esses comportamentos, com esses gostos, interesses e problemas, realmente preciso?

Ao refletir sobre isso é muito possível que chegue a uma resposta e poderá criar uma persona mais adequada ao seu público.

Estruture a persona

Tudo o que precisa fazer agora é colocar os dados no papel e, de fato, criar a sua persona.

Coloque todos os dados em comum que encontrou, idade, profissão. Crie um nome e adicione uma foto, ela precisa ganhar vida. Não deixe de descrever o dia-a-dia dela e criar uma historinha se for necessário, com hábitos diários e pessoais.

É importante que a sua persona saia do papel e ganhe vida para você, como se fosse um ser humano de verdade, que vai ler o seu conteúdo e fazer alguma compra.

Algumas informações também são importantes, como objetivos pessoais e profissionais, problemas pessoais e profissionais, dificuldades gerais e metas.

Como criar uma pesona sem clientes?

Como criar uma persona sem ter clientes

Se você ainda está no início da sua jornada e não tem clientes e nem muitos seguidores, não se preocupe, ainda assim é possível criar a sua persona.

Existem outras estratégias e ferramentas que vão te permitir tem uma persona. Inclusive, você pode analisar os seus clientes e tirar proveito disso a respeito do seu avatar.

De qualquer modo, você vai sair desse artigo sabendo como criar a sua persona com ou sem clientes.

1.Defina sua área de atuação

Isso é o mesmo que dizer para definir o seu nicho de mercado

Pode ser que ainda está começando e ainda não determinou em qual área vai seguir e, muito menos, qual produtor vai se afiliar.

Se é aqui que você se encontra, escolher alguma área que é do seu conhecimento é a melhor alternativa, principalmente, se você também tiver paixão por esse nicho.

Será muito difícil ter que estudar e se manter atualizado sobre algo que você não tem paixão, então torne as coisas mais fáceis para você.

Você terá que criar conteúdos e postar esses conteúdos, assim é possível perceber quem é o público que está interagindo e tendo interesse.

Um bom lugar para fazer isso é nas redes sociais, onde você consegue ter acesso a essas pessoas.

2.Interaja com as pessoas

Comece a conversar com as pessoas que estão te seguindo e interagindo com o seu conteúdo.

Ainda não é o momento para oferecer nenhuma solução, então não envie seu link de afiliado. Apenas converse e tente entender quais são as necessidades, problemas, objetivos e desafios dessas pessoas.

Pergunte o que estão buscando, porque começaram a interagir com o seu conteúdo, o que chamou a atenção.

Você ainda pode entrar em fóruns de discussão relacionados com o seu nicho e fazer perguntas. Mas cuidado para não ser invasivo.

O Facebook também pode ser um ótimo lugar para isso, entre em grupos dentro da sua área e converse com as pessoas. Tente analisar os perfis das pessoas, você pode encontrar muitas informações interessantes por lá.

3.Utilize o Audience Insights

Audience Insights é uma ferramenta incrível e que pode te ajudar muito nesse processo.

Através dessa ferramenta é possível descobrir padrões do público que curtem determinada coisa dentro do Facebook.

Então, vamos supor que você sabe que o seu público curte a página da Hotmart, por exemplo, então você pode colocar Hotmart e fazer uma busca. A ferramenta vai te retornar com algumas informações das pessoas que curtiram a página ou qualquer outra coisa relacionada com Hotmart, desde dados demográficos até outros interesses.

Assim, você consegue fazer um grande mapeamento do seu público e traçar alguns perfis .

4.Crie formulários de pesquisa

Outra maneira para criar a sua persona é fazer um formulário de pesquisa com as perguntas que passei anteriormente. Utilize as perguntas demográficas, comportamentais e psicográficas.

Você tanto disponibilizar esse formulário nos fóruns da internet, como na página do seu blog e em grupos do Facebook.

Caso nenhuma dessas opções sejam viáveis para você, também é possível enviar para pessoas do seu convívio e que se enquadrem no seu público. Foi assim que fiz logo que comecei.

Tenha 2 cuidados importantes:

  • Não faça muitas perguntas, as pessoas podem se assustar e ficar desestimuladas em responder. Além disso, quanto mais perguntas, mais dados terá que analisar.
  • Pense na possibilidade de oferecer alguma recompensa para aqueles que responderem. Isso pode estimular as pessoas a responder.

Erros mais comuns

Erros comuns ao criar uma persona

Alguns erros são muito comuns, principalmente quando se está começando.

Criar personas demais

Antes de falar a respeito do número de personas, preciso de deixar claro que você não deve confundir a respeito de quem é a sua persona.

Responda a pergunta: uma pessoa vende roupas para adolescentes de 15 anos de idade, que é a persona dela?

Se você respondeu que é o adolescente de 15 anos, está enganado de certa forma. Pessoas dessa idade ainda dependem dos pais, não realizam compras. Portanto, a persona desse tipo de negócio são as mães, que é o público comprador.

Mas aqui temos um detalhe, as roupas precisam agradar também aos adolescentes, então, teremos duas personas.

Esse é um caso bem específico e que demanda mais de uma persona, mas a maioria dos outros negócios vão ter apenas uma persona.

E quanto menos tiver, melhor. Mais de uma persona significa mais custos, mais tempo, mais investimento. São dois tipos de público para atingir e isso pode ser bem complicado.

Então, mantenha o foco na persona principal do seu negócio, aquele que tem potencial para comprar de você.

Perder tempo demais com perguntas desnecessárias

Ao fazer as perguntas é importante focar naquilo que realmente tem relevância para o seu negócio.

Sabemos que quanto mais informações e detalhes da persona melhor, mas não perca o foco do que é principal.

Conclusão

Como você pode perceber, o avatar norteia todas as suas estratégias dentro do marketing digital, por isso a importância de saber o que é persona e como criar uma para o seu negócio.

Quanto antes você fizer isso melhor, assim você constrói e desenvolve o seu negócio voltado para o seu melhor público e tem mais chances de converter.

Mas se estiver muito difícil para criar a sua não fique preso a isso, continue progredindo e assim que possível conclua essa etapa.

Fórmula Negócio Online

Sobre o Autor

Graciella Neves
Graciella Neves

Investe no marketing digital há 4 anos e há cerca de 3 anos se dedica exclusivamente ao empreendedorismo digital. Quer aprender como isso é possível? Acompanhe aqui no blog!

    2 Comentários

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


    Este site utiliza Cookies e Tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência. Ao utilizar nosso site você concorda que está de acordo com a nossa Política de Privacidade.